domingo, 6 de fevereiro de 2011

Corrupção Geral da Humanidade

   As pessoas são tão vazias... vazias de si mesmas, vazias de Deus... e como consequência disso, vazias de afeição... não sabem o que é amor, desconhecem este sentimento, até por si mesmas...
   Conhecem apenas o individualismo!!! 
   São tão corrompidas que aceitam todo tipo de distorção... ao proximo ninguem ajuda pra nao dividir seu precioso tempo...
   Mas se unem em orgias e bacanais se dividindo e se misturando como um bando de animais irracionais, corrompidos e néscios...
   Pensam em sexo como cães... e não se importam em dividirem o que têm... são capazes de coisas absurdas nesta hora... porque seu prazer esta em fazer o que não é pra ser feito... toda imoralidade atrai o ser humano... porque o seu prazer é afrontar o Deus Criador da vida! 
   Em Apocalipse 17.1-7 diz sobre a grande meretriz (espírito de prostituição, libertinagem, luxúria, lascívia, sensualidade, licenciosidade, devassidão), assentada sobre as muitas aguas da terra (sobre a humanidade) e com ela se prostituram os reis da terra (homens que se acham " os caras ", mas que estão enredados pelo vício do sexo depravado e devasso)... adornada de ouro e pedras preciosas (é o que todos se preocupam com dinheiro, com a intenção final de sexo, dominar, ter todos desejando-o... todo mundo quer dinheiro, mas pra dominar no sexo)... 
   Não digo porque não gosto de sexo... o sexo é prazeroso e lindo, quando está dentro dos padrões de Deus para o homem... longe da libertinagem e imoralidade, da devassidão moral, dos transtornos psiquicos... sim, porque não... quando um ser que tem capacidade lógica é capaz de se portar como cães soltos pela rua, é sinal de transtorno psiquicos! E ainda dizem: " no amor e na guerra vale tudo..."  Estão tão equivocados!!!
   No amor há repeito,  companherismo,  cuidado, dignidade!!! Bem diferente da obsessão e do desejo de dominar e possuir a outra pessoa, humilhando-a como fosse um ser inútil, para se sentir bem... pra se sentir poderoso...
   Em Romanos 1.24-31 diz: " Por isso, Deus entregou tais homens a imundícia, pelas concupiscências de seu próprio coração, para desonrarem os seus corpos entre si, pois eles mudaram a verdade de Deus em mentira, adorando e servindo a criatura (a pessoas, corpos), em lugar do Criador; o qual é bendito eternamente, amém!
   Por causa disso, os entregou Deus a paixões infames; porque até as mulheres mudaram o modo natural, de suas relações íntimas por outro, contrário à natureza; semelhantemente, os homens também, deixando o contato natural da mulher, se inflamaram mutuamente em sua sensualidade, cometendo torpeza, homens com homens, e recebendo, em si mesmos, a merecida punição pelo seu erro.
   E por haverem despreza o conhecimento de Deus, o próprio Deus os entregou à uma disposição mental reprovável, para praticarem coisas inconvenientes, cheios de toda injustiça, contenda (confusão mental, brigas, teimas), dolo (má fé, astúcia e engano), e malignidade; sendo difamadores (detonadores da vida alheia, tem prazer em espalhar o mal que o outro praticou), caluniadores, aborrecidos de Deus (odeiam a Deus, embora neguem), insolentes (atrevidos e malcriados), sobrerbos, presunçoso, inventores de males (caluniadores), desobedientes aos pais, insensatos (loucos), pérfidos (traidores, desleais e infiéis), sem afeição natural e sem misericórdia (sem amor e respeito para com o próximo).
   Ora conhecendo eles a sentença de Deus, de que são passíveis de morte por serem praticadores do mal, não somente fazem, mas aprovam quem assim procede..."
  Lembrando que quando não sentimos nenhum constrangimento, quando não nos sentimos incomodados ao ver algo de errado, é porque em nosso coração, em nosso íntimo, estamos aprovando tal comportamento.
    
Que Deus abençõe a todos abundantemente, na graça do Senhor Jesus.
Tenham todos um bom dia.
   
   
Postar um comentário